GRUPOS VULNERÁVEIS E DIREITOS HUMANOS

SAÚDE MENTAL DOS IMIGRANTES VENEZUELANOS EM BOA VISTA-RR

Autores

  • Mariana Djenane Pessoa de Albuquerque Rodrigues Universidade Estadual de Roraima/UERR
  • Emanoel Maciel da Silva Ramiro Universidade Estadual de Roraima/UERR

DOI:

https://doi.org/10.24979/911fp108

Palavras-chave:

saúde mental, direitos humanos, grupos vulneráveis, imigrantes venezuelanos

Resumo

Este estudo se concentra na saúde mental como um direito dos grupos vulneráveis, com destaque para os imigrantes venezuelanos em Boa Vista-RR. Ressalta-se que a compreensão de ‘saúde mental’ não é simples, ela se refere a algo que tem sido cada vez mais entendido como resultado de múltiplas e complexas interações, como fatores biológicos, psicológicos e sociais. A proposta deste estudo é descrever através de uma revisão bibliográfica a relação dos grupos vulneráveis, os direitos humanos e saúde mental. Pesquisas desta natureza são importantes para ampliar a visibilidade sobre os grupos vulneráveis, em particular a saúde mental deles que há tempos é negligenciada.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Referências

AYRES, J.R.C.M et al. Risco, vulnerabilidade e práticas de prevenção e promoção da saúde. In: Campos GWS, Bonfim JRA, Minayo MCS, Akerman M, Drumond Júnior M, Carvalho YM, organizadores. Tratado de Saúde Coletiva. Rio de Janeiro: Fiocruz; 2020. p. 375-41

BETANCOURT, J.R. Definindo cultura competência: Uma estrutura prática para lidar com disparidades raciais/étnicas em saúde e cuidados de saúde. Rep. de Saúde Pública. 2023.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, Senado Federal, Centro Gráfico, 1988.

GIACCO, D. Prevalência e fatores de risco para doenças mentais transtornos em refugiados. Semin Cell Dev Biol [Internet]. 2018.

HYNIE, M. Os Determinantes Sociais da Saúde Mental dos Refugiados no Contexto Pós-Migração: Uma Revisão Crítica. Can J Psiquiatria. 2018.

JORDEN, S. Apoio social e interações em relação à adaptação cultural e sofrimento psicológico entre refugiados expostos a traumas coletivos ou pessoais. J Cross Cult Psychol, 2019.

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE. Migrantes e refugiados na Europa: saúde mental promoção e atenção à saúde mental. Copenhague: Organização Mundial da Saúde, 2018.

SIMÕES, G.; CAVALCANTI, L.; OLIVEIRA, T.; MOREIRA, E.; CAMARGO, J. Resumo executivo – Perfil sociodemográfico e laboral da imigração venezuelano Brasil. Conselho Nacional de Imigração. Brasília, DF: CNIg, 2017.

Downloads

Publicado

15/08/2023

Como Citar

GRUPOS VULNERÁVEIS E DIREITOS HUMANOS: SAÚDE MENTAL DOS IMIGRANTES VENEZUELANOS EM BOA VISTA-RR. Ambiente: Gestão e Desenvolvimento, [S. l.], 2023. DOI: 10.24979/911fp108. Disponível em: https://periodicos.uerr.edu.br/index.php/ambiente/article/view/1267.. Acesso em: 14 jul. 2024.

Artigos Semelhantes

1-10 de 102

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.