FILOSOFIA DA RELIGIÃO

REFLEXÕES SOBRE VIRTUDE E FELICIDADE EM TEMPOS DE PANDEMIA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24979/ambiente.v1i1.813

Palavras-chave:

Filosofia, Religião, Relato de Experiência, Pandemia

Resumo

A matéria Virtude e Felicidade ministrada na Universidade Estadual de Roraima teve como objetivo desenvolver diálogos e reflexões filosóficas sobre virtude e felicidade a partir de pensamentos de filósofos atuais e contemporâneos. Essa pesquisa reúne duas abordagens que se complementam, a saber: análises bibliográficas sobre virtude e felicidade e uma práxis filosófica em sala de aula com a proposta da realização de um café filosófico, conforme será detalhado mais adiante. Analisando a história da filosofia e o modo como alguns pensadores filósofos, teólogos e de outras áreas de estudo refletiam, se percebe que essas análises estão diretamente ligadas aos estudos do ser, da ética, do homem social e até mesmo da psicologia. Também refletimos a respeito da pandemia causada pelo novo coronavírus e como que virtude e felicidade se relacionam com os efeitos nocivos causados pela pandemia. Esse relato de experiência está inserido no projeto de extensão Café Filosófico: Diálogos sobre Virtude e Felicidade, dentro da Especialização em Filosofia da Religião da Universidade Estadual de Roraima, com previsão de acontecer aberto para todos, em formato EAD, no segundo semestre de 2020.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Josué Carlos Souza dos Santos, Universidade Estadual de Roraima/UERR

Bacharel em Teologia pela Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil - FACETEN (2014), pós graduando em Filosofia da Religião pela Universidade Estadual de Roraima. Com duas formações técnicas pela plataforma Harvardx: Religião,Conflito e Paz (2019) e Resposta Humanitária em Desastres e Conflitos (2019). Trabalhei em organizações internacionais em pelo menos 04 países, prestando ajuda humanitária a pessoas em situação de vulnerabilidade social. Sou fluente em português, espanhol e avançado em inglês. Fui Bolsista do Programa Institucional de Bolsas de Incetivo à Docência (PIBID), secretário do Centro Acadêmico de Pedagogia da UFRR (gestão 2016-2017) e membro do grupo de pequisas educacionais, autobiográficas, interdisciplinares e interculturais de Roraima (GEPAIRR). Sou assistente humanitário com experiência em respostas para emergências humanitárias, deslocamento forçado e coordenação civil militar. Através da Organização das Nações Unidas, em 2019 recebi algumas certificações: Coordenação e Gestão de Campo, Comando de Operações de Manutenção da paz e Coordenação Civil-Militar: Trabalhando em Emergências Complexas. Em 2019 fui instrutor Convidado pelo Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil - Centro Sérgio Vieira de Melo (Rio de janeiro-RJ), a colaborar no curso de coordenação civil militar ministrando as matérias: Princípios e Tarefas do UN-CIMIC, Assistência Civil e Coordenação Humanitária. Atualmente sou assistente de campo na ACNUR, a Agência da ONU para refugiados, na resposta humanitária relacionada ao deslocamento de venezuelanos na fronteira do Estado brasileiro com a Venezuela, Roraima.

Edgard Vinícius Cacho Zanette, Universidade Estadual de Roraima/UERR

Bolsista IC Pet-Filosofia. Bacharel/Licenciado e Mestre em Filosofia Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). Doutorado em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Professor colaborador da UNICAMP (Bolsista/Estágio Remunerado PED B/2011, Bolsista Capes/2011 a 2013).Professor efetivo do Curso de Filosofia da Universidade Estadual de Roraima (UERR). Membro dos grupos de pesquisa Estudos Cartesianos - ANPOF e da Escola Amazônica de Filosofia - EAF. Coordenador das atividades: NEV-UERR (Núcleo de Estudos da Violência); PIBIC (2017/2018); Pibid/Filosofia UERR (2015 a 2018); Projeto de Extensão Descartes: Clube de estudo da língua francesa com recheio filosófico. Coordenador do Mestrado Profissional em Segurança Pública, Direitos Humanos e Cidadania da UERR. Pós-Doutorado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) com pesquisa filosófica no Instituto Católico de Toulouse/França (2017). Pós-Doutorado pela Unioeste com pesquisa filosófica na Universidade do Salento/Lecce/ Itália (2018).

Referências

AGOSTINHO. A cidade de Deus. Tadução de J. Dias Pereira, 2a Ed. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2º ed, 1996.

ACHOR, S. O Jeito Harvard de Ser Feliz - o Curso Mais Concorrido de Uma Das Melhores Universidades do Mundo. Tradução: Cristina Yamagami, 1a Ed. São Paulo: Saraiva, 2012.

ARRIÉS, P. História Social da criança e da família. Tradução: Dora Flaksman, 2ª Ed. Rio de Janeiro: Guanabara, 1986.

DINUCCI, A. SÓCRATES VERSUS GÓRGIAS: As noções de téchne e dýnamis aplicadas à retórica. Anais de Filosofia Clássica (Online), v. 2, p. 3, 2008.

GABRIEL, G. L. A escola narrada pelas crianças Makuxi na Amazônia: primeiras aproximações. Infância, aprendizagem e exercício da escrita. 1ed.Curitiba: Editora CRV, 2014, v. 1, p. 01-338.

GADOTTI, M. História das Ideias Pedagógicas. 8 ed. São Paulo: Editora Ática, 2003.

GALTUNG, J. Três formas de violência, três formas de paz. A paz, a guerra e a formação social indo-europeia. Tradução: João Paulo Moreira. Revista Crítica de Ciências Sociais, Nº 71, 2005, p. 63-75. Disponível em: <https://www.ces.uc.pt/publicacoes/rccs/artigos/71/RCCS71-Johan%20Galtung-063-075.pdf> Acessado em: 13/10/2019.

HERÁCLITO DEÉFESO (1978). Fragmentos. In Os Pré-Socráticos (Os Pensadores). São Paulo: Nova Cultural, 1996.

JOHNS HOPKINS UNIVERSITY. COVID-19 Dashboard by the Center for Systems Science and Engineering (CSSE) at Johns Hopkins University, 2020. Disponível em: <https://coronavirus.jhu.edu/map.html> Acessado em: 16/06/2020.

LAWSON, J. Alucinadamente Feliz: um livro engraçado sobre coisas horríveis. Tradução: Andrea Gottlieb de Castro Neves, 1a Ed. Rio de Janeiro: Intrínseca, 2016.

LÉVINAS, E. De Deus que vem à ideia. Petrópolis-RJ: Vozes, 2002.

OLIVEIRA, V. 25% dos moradores de Boa Vista foram infectados pelo coronavírus, diz pesquisa, 2020. Disponível em: <https://g1.globo.com/rr/roraima/noticia/2020/06/12/25percent-dos-moradores-de-boa-vista-foram-infectados-pelo-coronavirus-diz-pesquisa.ghtml> Acessado em: 17/06/2020.

PINTO, M. J. V. A "medida das coisas" entre o homem e Deus. Algumas reflexões sobre o frag. 1 de Protágoras. Revista da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas,Vol2, Nº 8, 1994-1995, p. 321-331. Disponível em: <https://run.unl.pt/handle/10362/6802> Acessado em: 13/09/2019.

SANTANDER. Empregabilidade é a principal preocupação da comunidade acadêmica Brasileira. São Paulo: 2018. Disponível em: <https://www.santander.com.br/document/wps/26-04-2018-Empregabilidade-e-a-principal-preocupacao-da-comunidade-aca.pdf> Acessado em: 13/10/2019.

SCHERER, F. C. Memória e interioridade nas Confissões. Controvérsia (UNISINOS), v. 2, p. 34-42, 2006.

TONET, I. Método Científico: uma abordagem ontológica. São Paulo: Instituto Lukács, 2013.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. Substantial investment needed to avert mental health crisis, 2020. Disponível em: <https://www.who.int/news-room/detail/14-05-2020-substantial-investment-needed-to-avert-mental-health-crisis> Acessado em: 16/06/2020.

Downloads

Publicado

16/09/2020

Como Citar

SANTOS, J. C. S. dos; ZANETTE, E. V. C. FILOSOFIA DA RELIGIÃO: REFLEXÕES SOBRE VIRTUDE E FELICIDADE EM TEMPOS DE PANDEMIA. Ambiente: Gestão e Desenvolvimento, [S. l.], v. 1, n. 1, p. 81–97, 2020. DOI: 10.24979/ambiente.v1i1.813. Disponível em: https://periodicos.uerr.edu.br/index.php/ambiente/article/view/813. Acesso em: 17 ago. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)