Efeitos da educação física sobre indicadores de saúde de jovens e adultos avaliados em quatro momentos anuais

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24979/ambiente.v14i1.910

Palavras-chave:

Pressão Sanguínea, Aptidão Cardiorrespiratória, Esportes, Ginástica

Resumo

Objetivo: verificar o efeito de uma intervenção em educação física avaliada em diferentes períodos, considerando o recesso escolar, sobre os níveis de aptidão física cardiorrespiratória, abdominais em 1 minuto, flexibilidade e pressão arterial sistólica em jovens e adultos de ambos sexos na educação de jovens e adultos (EJA). Métodos: Estudo pré-experimental quantitativo realizado com 27 estudantes, 9 do sexo feminino, idade média 29,38 (dp: ±15,39) anos e 18 do masculino, 20,40 (dp:±9,34). A intervenção aconteceu com aulas de Jump no primeiro semestre. Handebol e rúgbi foram aplicados no segundo semestre. Os efeitos da intervenção foram avaliados sobre a pressão arterial sistólica (PAS), aptidão cardiorrespiratória (APCR), flexibilidade e abdominais sit-up por meio do D de Cohen. Resultados: No sexo feminino, a APCR (efeito=0,95) e a flexibilidade (efeito=1,33) aumentaram entre março/julho. Durante o recesso houve redução dessas capacidades físicas. Em agosto/dezembro houve novo incremento de APCR, junto da redução da PAS (efeito=-1,06). No sexo masculino, houve redução da PAS (efeito=-0,69) e aumento da APCR (efeito=0,84) entre agosto/dezembro. Conclusão: As aulas de ginástica melhoraram indicadores de saúde dos escolares, principalmente no sexo feminino durante o primeiro semestre, já o handebol e rúgbi aumentaram a APCR e reduziram a PAS nos dois sexos. O período de recesso reduziu as capacidades físicas dos estudantes, indicando que as aulas de educação física são importantes meios para melhorar níveis de aptidão física na EJA.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AGUIAR, Marco. et al. A Review on the Effects of Soccer Small-Sided Games. Journal of Human Kinetics, v. 33, n. 1, 2012.

ANDERSEN, Lars Bo. et al. A new approach to define and diagnose cardiometabolic disorder in children. Journal of diabetes research, v. 2015, n. Cvd, p. 539835, 2015.

BENDIKSEN, Mads. et al. Heart rate response and fitness effects of various types of physical education for 8- to 9-year-old schoolchildren. European Journal Of Sport Science, v. 14, n. 8, p. 861–869, 2014.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, 2019. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/. Acesso em: 14 jan. 2020

BRAND, Caroline. et al. Effect of a multicomponent intervention in components of metabolic syndrome: a study with overweight/obese low-income school-aged children. Sport Sciences for Health, v.16, p. 137-145, 2019.

BRAND, Caroline. et al. Effects and prevalence of responders after a multicomponent intervention on cardiometabolic risk factors in children and adolescents with overweight/obesity: Action for health study. Journal of sports sciences, v. 38, n. 6, p. 682–691, 2020.

CARVALHO, Rosa Malena. Educação Física na Educação de Jovens e Adultos. Revista Lugares de Educação, v. 3, n. 5, p. 37–49, 2013.

DEARY, Ian J. et al. Physical fitness and lifetime cognitive change. Neurology, v. 67, n. 7, p. 1195–1200, 2006.

DI PIERRO, Maria Clara. Youth and adult education in the national plan for education: assessment, challenges and perspectives. Educação & Sociedade, v. 31, p. 939–959, 2010.

EWART, Craig. K.; YOUNG, Deborah Rohm.; HAGBERG, James M. Effects of School-Based Aerobic Exercise on Blood Pressure in Adolescent Girls at Risk for Hypertension. American Journal of Public Health, v. 88, n. 6, p. 949–951, 1998.

FARIAS, Edson dos Santos. et al. Efeito da atividade física programada sobre a aptidão física em escolares adolescentes. Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano, v. 12, n. 2, p. 98–105, 2010.

FURTADO, Elen; SIMÃO, Roberto; LEMOS, Adriana. Análise do consumo de oxigênio, freqüência cardíaca e dispêndio energético, durante as aulas do Jump Fit. Revista Brasileira de Medicina do Esporte, v. 10, p. 371–375, 2004.

GARCIÁ-HERMOSO, Antonio. et al. Association of Physical Education with Improvement of Health-Related Physical Fitness Outcomes and Fundamental Motor Skills among Youths: A Systematic Review and Meta-analysis. JAMA Pediatrics, v. 74, n. 6, p. 1–11, 2020.

GAYA, Adroaldo; GAYA, Anelise. PROESP-Br Manual de testes e avaliação. Porto Alegre. Editora Perfil. UFRGS, 2016.

GUNTHER, Maria Cecília Camargo. O direito à educação física na educação de jovens e adultos. Revista Brasileira de Ciências do Esporte, v. 36, n. 2, p. 400–412, 2014.

HADDAD, Sérgio. A ação de governos locais na educação de jovens e adultos. Revista Brasileira de Educação, v. 12, n. 35, p. 197–211, 2007.

HILL, Grant; HANNON, James. C. An analysis of middle school students physical education physical activity preferences. The Physical Educator, v.65, n.04, 2008.

HILLAND, Toni A. et al. Associations Between Selected Demographic, Biological, School Environmental and Physical Education Based Correlates, and Adolescent Physical Activity. Pediatric Exercise Science, v. 23, n. 1, p. 61–71, fev. 2011.

HOPKINS, Will G. Mesaures of reliability in sports medicine and science. Sports Medicine, v. 30, n. 1, p. 1–15, 2000.

HORNSTRUP, Therese et al. Fitness and health benefits of team handball training for young untrained women-A cross-disciplinary RCT on physiological adaptations and motivational aspects. Journal of Sport and Health Science, v. 7, p. 139–148, 2017.

KETELHUT, Sascha; KETELHUT, Sebastian R.; KETELHUT, Kerstin. School-Based Exercise Intervention Improves Blood Pressure and Parameters of Arterial Stiffness in Children: A Randomized Controlled Trial. Pediatric Exercise Science, p. 1–7, 2020.

KING, Kristi. M.; LING, Jlying. Results of a 3-Year, Nutrition and Physical Activity Intervention for Children in Rural, Low-Socioeconomic Status Elementary Schools. Health Education Research, v. 30, n. 4, p. 647–659, 2015.

KNOPP, Daniele; PRAT, Ignasi A.; AZEVEDO, Mario R. Intervenções escolares de médio e longo prazo para promoção de atividade física: Revisão sistemática. Revista Brasileira Atividade Física e Saúde, v. 19, n. 2, p. 142–152, 2014.

LEMES, Vanilson Batista. et al. Efeitos da educação física sobre indicadores de saúde cardiometabólica em jovens e adultos com diferentes ocorrências de estresse. Revista Ciência e Conhecimento, v. 11, n. 2, p. 46–56, 2017a.

LEMES, Vanilson Batista. et al. Efeito das aulas de ginástica escolar nos níveis de atividade física: jump na educação de jovens e adultos (EJA). Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício, v. 11, n. 70 supl 1, p. 863–870, 2017b.

LEMES, Vanilson Batista. et al. Jump gymnastic at school physical education for adolescents and adults: changes and prevalence of success in health-related physical fitness. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde, v. 23, p. 1–10, 2018.

LEMES, Vanilson Batista. et al. Efeitos da Educação Física nos níveis de aptidão cardiorrespiratória e no índice de massa corporal na Educação de Jovens e Adultos – EJA. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, v. 33, n. 4, p. 639–647, 2019.

LEMES, Vanilson Batista. et al. A educação física escolar com aulas de JUMP e a frequência da atividade física de jovens e adultos. Kinesis, 2020a.

LEMES, Vanilson Batista. et al. Associations among psychological satisfaction in physical education, sports practice, and health indicators with physical activity: Direct and indirect ways in a structural equation model proposal. International Journal of Pediatrics and Adolescent Medicine, 2020b.

LEMES, Vanilson Batista. Relatos de uma proposta de educação física escolar: A promoção da saúde na educação de jovens e adultos (EJA). Dissertação de Mestrado. Porto Alegre. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2017c.

LOBO, Alexandrina; CARVALHO, Joana; SANTOS, Paula. Effects of Training and Detraining on Physical Fitness, Physical Activity Patterns, Cardiovascular Variables, and HRQoL after 3 Health-Promotion Interventions in Institutionalized Elders. International Journal of Family Medicine, v. 2010, p. 486097, 2010.

MARTÍNEZ-VIZCAÍNO, Vicente et al. Effectiveness of a school-based physical activity intervention on adiposity, fitness and blood pressure: MOVI-KIDS study. British journal of sports medicine, v. 54, n. 5, p. 279–285, 2020.

MILANOVIC, Zoran et al. Health-Related Physical Fitness in Healthy Untrained Men: Effects on VO2max, Jump Performance and Flexibility of Soccer and Moderate-Intensity Continuous Running. PloS one, v. 10, n. 8, p. e0135319, 2015.

MINATTO, Giseli et al. School-Based Interventions to Improve Cardiorespiratory Fitness in Adolescents: Systematic Review with Meta-analysis. Sports Medicine, v. 46, n. 9, p. 1273–1292, 2016.

MOURA, Nicole Lopes et al. A influência motivacional da música em mulhers praticantes de ginástica de academia. Revista Mackenzie de Educação Física e Esporte, v. 6, n. 3, p. 103–118, 2007.

OLIVEIRA, Luciane Canto Vargas et al. Effect of an intervention in Physical Education classes on health related levels of physical fitness in youth. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde, v. 22, n. 1, p. 46–53, 2017.

ORTEGA, Francisco B. et al. Fitness and Fatness as Health Markers through the Lifespan. Progress in Preventive Medicine, v. 3, n. 2, p. e0013, 2018.

PICKERING, Thomas G et al. Recommendations for blood pressure measurement in humans and experimental animals: part 1: blood pressure measurement in humans: a statement for professionals from the Subcommittee of Professional and Public Education of the American Heart Association Cou. Circulation, v. 111, n. 5, p. 697–716, 2005.

PICOLINI, Luana Carvalho et al. Efeitos da prática de Jump no equilíbrio e no tempo de reação em mulheres. ConScientiae Saúde, v. 14, n. 4, p. 585–591, 2015.

SALLIS, James F et al. Series Physical Activity 2016 : Progress and Challenges Progress in physical activity over the Olympic quadrennium. The Lancet, v. 6736, n. 16, p. 1–12, 2016.

VIVAS, Emilia Arrebola et al. Eficacia de un programa para el tratamiento del sobrepeso y la obesidad no mórbida en atención primaria y su influencia en la modificación de estilos de vida. Nutricion Hospitalaria, v. 28, n. 1, p. 137–141, 2013.

VON HIPPEL, Paul T; BRADBURY, W. Kyle The effects of school physical education grants on obesity, fitness, and academic achievement. Preventive Medicine, v. 78, p. 44–51, 2015.

WORLD MEDICAL ASSOCIATION. World Medical Association Declaration of Helsinki: Ethical Principles for Medical Research Involving Human Subjects. JAMA : the journal of the American Medical Association, v. 310, n. June 1964, p. 1–5, 2013.

Downloads

Publicado

19/05/2021

Como Citar

LEMES, V.; DIAS, A. F.; BRAND, C.; FOCHESATTO, C. F.; GAYA, A. C. A.; GAYA, A. R. G. Efeitos da educação física sobre indicadores de saúde de jovens e adultos avaliados em quatro momentos anuais. Ambiente: Gestão e Desenvolvimento, [S. l.], v. 14, n. 1, p. 71–78, 2021. DOI: 10.24979/ambiente.v14i1.910. Disponível em: https://periodicos.uerr.edu.br/index.php/ambiente/article/view/910. Acesso em: 27 out. 2021.