PRODUÇÃO MAIS LIMPA APLICADA EM TINTURARIA TÊXTIL

Autores

  • Nilton Cesar Pasquini Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.24979/224

Palavras-chave:

Produção mais limpa, Têxtil, Qualidade

Resumo

A Produção mais Limpa (P+L) avalia o processo produtivo por um todo, assim há a necessidade de constituir um Ecotime multidisciplinar, na qual foi composta por 1 mecânico, 3 operador de  rama (1 por turno), 1 tintureiro, 1 supervisor. O trabalho visou a redução de corantes, produtos auxiliares, energia elétrica e água, consecutivamente produzindo menos lodo. A empresa estudada é do setor têxtil, onde proporciona o tingimento e acabamento de malha sintética e natural, com capacidade para 300 toneladas, localizada na região metropolitana de São Paulo. O Ecotime apontou os processos preparação da malha, relaxamento, tingimento, lavagem redutiva, abrir a malha, rama e embalar como os pontos passiveis de melhoramento, destaque para tingimento e rama. O custo de introdução do programa foi financiado pela economia obtida no processo. Pode observar que a redução ou eliminação de produtos ou cargas contaminantes foram facilmente obtidos por práticas simples de produção mais limpa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-01-10

Como Citar

PASQUINI, N. C. PRODUÇÃO MAIS LIMPA APLICADA EM TINTURARIA TÊXTIL. Ambiente: Gestão e Desenvolvimento, [S. l.], v. 6, n. 1, p. 68–80, 2014. DOI: 10.24979/224. Disponível em: https://periodicos.uerr.edu.br/index.php/ambiente/article/view/224. Acesso em: 19 jun. 2021.

Edição

Seção

Artigos - Seção Varia