Concepções de mitos e relações com a saúde

Autores

  • Mirely Santos Universidade Federal de Roraima - UFRR

DOI:

https://doi.org/10.24979/bolmirr.v8i02.770

Palavras-chave:

Cultura, Tabus, Crenças, Religião

Resumo

Concepções de mitos e relações com a saúde. Os mitos estão presentes desde a antiguidade na vida das pessoas, sendo intimamente relacionados com as crenças e a cultura de cada população. O objetivo do estudo foi analisar as concepções sobre mitos e suas relações com a saúde na perspectiva teórico-prática dos diferentes estudos presentes na literatura. O método utilizado para este estudo foi o da revisão crítica da literatura observando as publicações disponíveis nas bases Medline, Lilacs e Scielo. Foram selecionados artigos nas línguas portuguesa, inglesa e espanhola num total de 213 artigos, foram consultados também livros, teses e dissertações, do período de 1988 a 2013. Esta revisão destacou uma série de estudos de acordo com as categorias: definições sobre mitos, presença dos mitos nas religiões Candomblé e a Umbanda, concepções de mitos relacionados à saúde. Observa-se através dos séculos a existência das concepções sobre o significado da palavra mito. Muitos autores correlacionam os mitos com a evolução histórica da humanidade e associam a valores culturais, crenças e tradições. É fundamental o desenvolvimento de uma assistência da saúde voltada para as comunidades e para as pessoas que trazem consigo em particular suas crenças, origens sociais, econômicas e culturais.

 

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Downloads

Publicado

27/04/2020

Como Citar

Concepções de mitos e relações com a saúde. Boletim do Museu Integrado de Roraima (Online), Brasil, v. 8, n. 02, p. 53–60, 2020. DOI: 10.24979/bolmirr.v8i02.770. Disponível em: https://periodicos.uerr.edu.br/index.php/bolmirr/article/view/770.. Acesso em: 4 mar. 2024.