ANÁLISE DA COMERCIALIZAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS NO MUNICÍPIO DE LARANJAL DO JARI- AMAPÁ-BRASIL

  • Claudeni da Conceição Sena Instituto Federal do Amapá/IFAP
  • Claudiane da Conceição Sena Santos Instituto Federal do Amapá/IFAP
  • Kariane da Silva Oliveira Instituto Federal do Amapá/IFAP
  • Regis Rodrigues Almeida Instituto Federal do Amapá/IFAP
Palavras-chave: Etnobotânica, Conhecimento popular, Amazônia

Resumo

A amazônia é uma das maiores florestas tropicais do mundo e boa parte do seu território encontra-se no Brasil, por esse motivo o país se destaca na perspectiva  da exploração econômica de sua flora nativa,  ssencialmente no que confere as plantas medicinais, pois na atualidade mais de 70% da população mundial as utilizam, devido ao baixo custo, eficácia e fácil modo de preparo. Dessa forma o presente estudo tem como objetivo análisar o comércio de plantas  medicinais no município de Laranjal do Jari-Amapá-Brasil. A metodologia utilizada neste trabalho procedeu-se mediante a pesquisa de campo, realizou-se visita in lócus aos estabelecimentos que comercializam plantas medicinais no qual as informações foram coletadas mediante a aplicação de formulários, foram  sujeitos da pesquisa comerciantes que trabalham no ramo de venda de plantas medicinais na cidade. Os dados foram tabulados de forma qualitativa-descritiva. Diante da pesquisa verificou-se que os sujeitos da pesquisa tem idade entre 34 e 73 anos, e todos são do sexo masculino, e residem no município de Laranjal do  Jari há mais de 20 anos, e o principal motivo que os levaram a atuarem no ramo, foi devido ao conhecimento passados por seus ancestrais, os mesmo conseguem obter em média um salario mínimo com a venda dos produtos, segundo os mesmos a venda de plantas medicinais, nos últimos anos aumentou, eles  atribuem esse fato, devido as pessoas na atualidade estarem mais preocupado com a sua saúde e bem estar, desse modo preferem produtos naturais, extraídos diretamente da natureza. Foram identificadas noventa e três plantas medicinais sendo comercializadas no município, o que mostra que esse comércio  é dinâmico, e além de ser uma forma de preservarem esse conhecimento Etnobotânicos, que é de suma importância para as ciências , pois através desse conhecimento empírico é possível a criação de fármacos que curam determinadas doenças.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claudeni da Conceição Sena, Instituto Federal do Amapá/IFAP

Graduando em L. em Ciências Biológicas – IFAP

Regis Rodrigues Almeida, Instituto Federal do Amapá/IFAP

Docente do IFAP -Campus Laranjal do Jari

Publicado
2020-04-18
Como Citar
Claudeni da Conceição Sena, Claudiane da Conceição Sena Santos, Kariane da Silva Oliveira, & Regis Rodrigues Almeida. (2020). ANÁLISE DA COMERCIALIZAÇÃO DE PLANTAS MEDICINAIS NO MUNICÍPIO DE LARANJAL DO JARI- AMAPÁ-BRASIL. Revista Eletrônica Casa De Makunaima, 2(4), 105-110. Recuperado de https://periodicos.uerr.edu.br/index.php/casa_de_makunaima/article/view/687